segunda-feira, 15 de junho de 2009


Uma serpente estava perseguindo um vaga-lume. Quando estava a ponto de comê-lo, o vaga-lume disse: "Posso fazer uma pergunta?" A serpente respondeu: "Na verdade nunca respondo as perguntas das minhas vítimas, mas, por ser você, vou permitir." Então, o vaga-lume perguntou: "Fiz alguma coisa a você?" "Não", respondeu a serpente. "pertenço a sua cadeia alimentar?", perguntou o vaga-lume. "Não", respondeu a serpente de novo. "Então, porque você quer me comer?", perguntou o inseto. "Porque não suporto vê-lo brilhar", respondeu a serpente.
Não pensem que estou destruída, pois, como dizia Pessoa: "Pedras no caminho? Guardo todas. Um dia construirei o meu castelo!"
E, em verdade, só preciso reestruturar financeiramente a minha vida... Tenho uma família maravilhosa, um filho lindo (levado sim, mas companheiro), pais que me apoiam em tudo, grandes amigos (que me escutam a qualquer hora do dia e da noite)!!! O resto se resolve...
S. B.


Um comentário:

manu disse...

E tens também as amigas, como eu!