sábado, 22 de setembro de 2007

Batalhão de Letras


Uma grande brincadeira.
Destinada ao público infantil.
Quintana faz travessuras com as letras do alfabeto.

Ontem eu fui à Bienal/RJ com o meu filho...
Dentre os diversos livros que comprei, na minha loucura
de sempre (português, sociologia, filosofia, direito,
poesia... e por aí vai...), eu trouxe o "Batalhão das Letras"...
Sinceramente, foi o livro que eu mais gostei!!!!!!
Tentei comprar qdo meu filho era bem pequeno... não encontrei.
Foi republicado este ano pela Editora Globo (arhg),
mas não contive minha felicidade ao deparar-me com o livro...
Parecia uma criança, diante de um presente há muito esperado...
Quanta emoção um simples livro pode proporcionar!!!!!
Esta é a magia da literatura...





sexta-feira, 21 de setembro de 2007

Quem, em prol da sua boa reputação,
não se sacrificou já uma vez - a si próprio?

Nietzsche

quinta-feira, 20 de setembro de 2007

Durmo. Regresso ou espero?

Durmo. Regresso ou espero?
Não sei. Um outro flui
Entre o que sou e o que quero
Entre o que sou e o que fui.
F. Pessoa.

terça-feira, 18 de setembro de 2007

Eu amo tudo o que foi

EU AMO TUDO o que foi,
Tudo o que já não é,
A dor que já me não dói,
A antiga e errônea fé,
O ontem que dor deixou,
O que deixou alegria
Só porque foi, e voou
E hoje é já outro dia.

F. Pessoa

domingo, 16 de setembro de 2007

New York, New York

video

"Eu quero acordar na cidade que nunca dorme

E descobrir que sou o rei da montanha - O maioral"