quarta-feira, 16 de janeiro de 2008

É brando o dia, brando o vento

É brando o dia, brando o vento
É brando o sol e brando o céu.
Assim fosse meu pensamento!
Assim fosse eu, assim fosse eu!

Mas entre mim e as brandas glórias

Deste céu limpo e este ar sem mim
Intervêm sonhos e memórias...
Ser eu assim ser eu assim!

Ah, o mundo é quanto nós trazemos.
Existe tudo porque existo.
Há porque vemos.
E tudo é isto, tudo é isto!

Fernando Pessoa


Não há uma nuvem no céu do Rio de Janeiro!
São nesses belíssimos dias, em que a natureza
se manifesta de forma branda e suave, que eu
tenho a plena certeza de como a vida é maravilhosa!

Não estou na praia!!! Não!!!
Estou na janela do meu apartamento,
sentada ao computador, trabalhando em minha aulas...
Mesmo assim, fascinada com este dia tão lindo!!!

Não há como ficar triste em um dia de sol!!!!
Refletir em um dia de luz é mais fácil...

Basta observar as crianças, de férias,
correndo, brincando e gritando pelo pátio;
outras na piscina ou jogando bola;
os adultos vestindo roupas coloridas e estampadas;
e eu trabalhando de short e chinelos...






Um comentário:

Angela Carolina disse...

Eu lembro bem como os dias eram lindos no RJ... Lembro perfeitamente do quanto fui feliz e infeliz tb rsrsrs Nem td foi perfeito, mas o RJ e as lembranças desses dias me deixam um pouco triste, mas td o que vc disse é verdade... Pessoas felizes, dias perfeitos apenas para olharmos para o céu e agradecer pela vida, pelos amigos, pela natureza... Vc aí com essa vista linda e eu aqui com outra visão mas teoricamente feliz... Um beijo querida!